https://grupoeducon.com/revista/index.php/revista/issue/feed Revista Internacional Educon 2021-06-02T11:36:05+00:00 Veleida Anahi da Silva - Editora veleida@grupoeducon.com Open Journal Systems <p class="zfr3Q" dir="ltr">A Revista Internacional Educon promove a socialização do conhecimento produzido sobre relevantes temas da Educação no Brasil e no mundo, sem perder de vista as diferentes perspectivas teóricas e políticas que estimulam pesquisadores, docentes, estudantes e profissionais de áreas afins.</p> https://grupoeducon.com/revista/index.php/revista/article/view/1727 Les Fondements Anthropologiques d'une Théorie du Rapport au Savoir 2021-04-21T20:16:14+00:00 Bernard Charlot bernard.charlot@terra.com.br <p>En 1997, a été publié le livre Du Rapport au savoir. Éléments pour une théorie. La théorie elle-même n’est pas venue ensuite, il lui manquait des fondements anthropologiques. Le livre Éducation ou Barbarie, paru em 2020, a proposé de tels fondements. Cet article a pour objectif d’articuler la théorie du rapport au savoir et les apports anthropologiques du livre récent. Une première partie propose une synthèse théorique des principes fondamentaux de la théorie du rapport au savoir. Toujours, ce rapport est à la fois singulier et social, il est rapport au monde, aux autres et à soi-même et il présente une dimension épistémique, identitaire et sociale – de sorte que l’éducation est, indissociablement, humanisation, socialisation et singularisation. La seconde partie de l’article expose les fondements anthropologiques de ces principes, en s’appuyant sur la paléoanthropologie et en défendant l’idée que l’humanité n’est pas une essence présente en chaque individu, mais le produit des activités des générations antérieures de Sapiens et des espèces humaines qui l’ont précédé et sa sédimentation dans un monde. L’éducation est le processus par lequel le petit d’homme, hominisé, s’humanise em s’appropriant l’humanité que lui propose le monde.</p> 2021-03-31T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2021 Bernard Charlot https://grupoeducon.com/revista/index.php/revista/article/view/1729 Una Contribución a la Fundamentación Epistémica y Delimitación Teórica de la Noción de ‘Relación con el Saber’ 2021-05-23T16:22:14+00:00 Soledad Vercellino svercellino@unrn.edu.ar <p>La noción de relación con el saber la venimos asumiendo como central en nuestras investigaciones, susceptible de organizar los interrogantes y búsquedas en torno a la problemática del aprender. En esta comunicación, conscientes de su carácter todavía provisorio e incierto, se fundamentará la pertinencia epistemológica de construcción de la noción a partir de un diálogo crítico con los tres principales promotores de la misma: Bernard Charlot, Jacky Beillerot y Yves Chevallard. Diálogo que debe ser especialmente cuidadoso y vigilado, advertidos de la procedencia disciplinar y teórica disímil de las diferentes producciones. Luego se avanzará en la dimensionalización de la noción, pensándola como herramienta para la investigación sobre el aprendizaje escolar.</p> 2021-03-31T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2021 Soledad Vercellino https://grupoeducon.com/revista/index.php/revista/article/view/1034 Avaliação Cognitiva em Aplicações Pedagógicas Digitais: uma proposta de aplicação para a Segurança Pública 2021-01-31T21:55:35+00:00 Josete Bispo Ribeiro josetebisporibeiro@gmail.com Alfredo Eurico Rodrigues Matta alfredo@matta.pro.br <p>Este artigo descreve um instrumento de avaliação construído para qualificar a atuação de profissionais da área de segurança pública, quando submetidos a simulações virtuais requerentes de decisões estratégicas. Como elemento constitutivo de uma aplicação pedagógica digital, voltada para utilização em processos instrucionais à distância, este modelo de avaliação baseou-se nos princípios da Ciência Cognitiva, enquanto base epistemológica para avaliar indícios de Aprendizagem Minimizada e Metaconsciência nos sujeitos pesquisados, além dos pressupostos da Praxiologia, na medida em que, nas ações formativas e instrucionais, típica de profissionais da área de segurança pública, tornam-se indispensável a associação do conhecimento teórico com a experiência prática. Por se tratar de uma investigação sobre tecnologias educacionais, utilizamos a metodologia do Design Based Research (DBR), como método de pesquisa. A modelagem construída apresentou resultados de efetividade e adequação cognitiva para avaliação de competências cognitivas, operativas e atitudinais, em segurança pública, tornando-a apropriada para fins pedagógicos.</p> 2021-03-31T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2021 Josete Bispo Ribeiro, Sr. Alfredo Matta https://grupoeducon.com/revista/index.php/revista/article/view/1483 Formação Docente em Serviço: um Espaço de Disputas e Resistencias 2021-01-31T22:09:34+00:00 Elisabete Ferreira Esteves Campos betecampos@terra.com.br <p>Para a implementação da Base Nacional Comum Curricular-BNCC, um município da Grande São Paulo tem realizado formações em serviço visando à adequação de currículos e práticas de ensino. Considerando o caráter tecnicista e regulatório da BNCC, analisamos os planos de formação docente de oito escolas públicas de período integral localizadas nesse município, com o objetivo de verificar se, no bojo dessa política regulatória, há espaço para uma contrarregulação, mantendo os fundamentos da educação integral. A epistemologia do ciclo de políticas assumida no percurso metodológico desta investigação assevera que, no contexto da prática, as políticas não são simplesmente implementadas. Com análises fundamentadas em Freire, concluímos que a formação em serviço é um espaço de disputas e resistências e as equipes escolares, apesar de estarem submetidas às diretrizes impostas, podem assumir princípios éticos e democráticos, com pressupostos epistemológicos humanistas e emancipatórios.</p> 2021-03-31T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2021 Elisabete Ferreira Esteves Campos https://grupoeducon.com/revista/index.php/revista/article/view/1220 Atuais Reformas Educacionais para o Ensino Médio no Brasil 2021-01-31T21:58:15+00:00 Larissa dos Santos Estevão laure_estevao@hotmail.com <p>Esse artigo versa sobre as atuais reformas educacionais para o ensino médio no Brasil, onde sistematiza uma análise sobre a BNCC, o “Novo Ensino Médio” e as DCNEM. É uma pesquisa de cunho bibliográfico e documental, fundamentada nos aportes teóricos do marxismo. Seus resultados evidenciam que as reformas estão fundamentadas no projeto educacional dos organismos internacionais, no qual a educação é entendida como caminho para o desenvolvimento econômico e social, sustentado pela TCH e da Sociedade do Conhecimento. O estudo permitiu compreender que a BNCC é posta como uma lei geral da educação, a qual todo o sistema educacional brasileiro precisa se ajustar. Essa reestruturação curricular é um catálogo de competências e habilidades (cognitivas/socioemocionais) a serem desenvolvidas, fundamentado numa concepção gerencialista, que visa controle, regulação e punição. Aprofunda o caráter de classe da educação brasileira, reproduzindo as desigualdades da sociedade capitalista no seio da escola, oficializando a dualidade estrutural.</p> 2021-03-31T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2021 Larissa dos Santos Estevão https://grupoeducon.com/revista/index.php/revista/article/view/649 O Lúdico no Ensino de Genética Molecular: uma abordagem que estimula os estudantes e favorece a aprendizagem 2021-01-31T21:24:17+00:00 Clebson Gama clebgama@gmail.com Melissa Landell melissa.landell@gmail.com <p>É de amplo conhecimento que os estudantes do Ensino Médio apresentam dificuldades em assimilar os conteúdos de Genética Molecular. Desta forma, o presente trabalho teve como objetivo a implantação e a avaliação de práticas pedagógicas focadas na utilização de modelos didáticos capazes de explicar fenômenos genéticos, consubstanciando teoria e a prática. O público-alvo foram 120 estudantes do 3º ano do Ensino Médio, divididos em dois grupos: controle e experimental, submetidos a metodologias distintas. A pesquisa foi desenvolvida em três etapas: a primeira envolveu a aplicação dos questionários de conhecimentos prévios; a segunda abrangeu o plano de ação e a terceira a aplicação da avaliação pós-teste. Após análise quanti-qualitativa dos resultados foi possível inferir que os estudantes do grupo experimental demonstraram melhores desempenhos, quando comparados ao grupo controle. Concluímos, portanto que a utilização de modelos didáticos nas aulas de Genética Molecular por estudantes de Ensino Médio contribui para melhoria da aprendizagem.</p> 2021-03-31T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2021 Clebson Gama, Drª Melissa Landell https://grupoeducon.com/revista/index.php/revista/article/view/1073 Estratégia de Diversificação Horizontal: um Estudo em Empresas Gráficas da Região Metropolitana de Campinas-SP 2021-01-31T21:57:12+00:00 Marcos Leite de Araujo grafi.araujo@gmail.com <p>Este artigo teve como objetivo identificar como a diversificação horizontal dos processos de impressão é utilizada. O método utilizado é considerado exploratório e qualitativo, em um estudo múltiplo de casos. A principal razão para a diversificação dos processos de impressão encontrada na pesquisa foi para compensar a queda na produção do sistema tradicional. Entre as principais dificuldades encontradas pelas empresas está a falta de recursos financeiros, conhecimento e mão de obra qualificada. Considera-se que a principal descoberta dessa pesquisa é que grande parte das empresas gráficas que diversificam utilizam a terceirização. Dessa forma, compreende-se, que o mercado de impressão digital, laser e plotter, estão em expansão.</p> 2021-03-31T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2021 Marcos Leite de Araujo https://grupoeducon.com/revista/index.php/revista/article/view/11 Aspectos Neurocognitivos da Discalculia na Síndrome de Williams-Beuren 2020-08-09T01:09:29+00:00 Fabio Colins formador.ufpa@gmail.com <p><em>Este trabalho tem como objetivo </em><em>analisar os prejuízos causados pela discalculia em um estudante com Síndrome de Williams-Beuren no que se refere às habilidades relacionadas ao processamento numérico. Para isso, foi realizada uma avaliação dos domínios da cognição numérica a partir do modelo do código triplo proposto por Dehaene e colaboradores. Trata-se de uma pesquisa de abordagem qualitativa do tipo estudo de caso. O participante é um estudante que cursava o 9º ano do Ensino Fundamental e que recebia atendimento educacional especializado. Suas habilidades matemáticas foram analisadas por meio de um protocolo de rastreio da discalculia, o PROMAT. Os relatórios e registros geraram informações que foram analisadas por meio da metodologia de análise de conteúdo. Os resultados da pesquisa apontaram que diversas habilidades matemáticas foram prejudicadas em decorrência da síndrome, tais como contagem numérica, contagem oral, transcodificação numérica, magnitude numérica e linha numérica mental.</em></p> 2021-07-13T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2021 Fabio Colins https://grupoeducon.com/revista/index.php/revista/article/view/840 Relação Professor e Estudante na Universidade: Visão de Acadêmicos do Curso de Letras 2021-06-02T11:36:05+00:00 Marinalva Ribeiro marinalva_biodanza@hotmail.com Jeiziane da Silva Oliveira jeizi.oliveira@hotmail.com Evódio Maurício Oliveira Ramos EMORAMOS@UEFS.BR <p><em>A relação estabelecida entre professores e estudantes pode favorecer, ou dificultar, o processo de ensino-aprendizagem. Espera-se que, além do conhecimento teórico, o professor tenha atenção às culturas e identidades, expectativas e necessidades discentes e que desenvolva estratégias didáticas com vistas à aprendizagem significativa de tais sujeitos. O estudo é parte de uma pesquisa qualitativa, cujo objetivo foi conhecer as características das relações instituídas entre docentes e discentes do curso de Letras Vernáculas de uma universidade pública. Os dados foram produzidos a partir de entrevista semiestruturada aplicada a acadêmicos do referido curso. Concluímos que os universitários valorizam o diálogo e a empatia, sentem falta da proximidade e da atenção dos docentes à suas necessidades pedagógicas. Relatam posturas docentes que dificultam aprendizados significativos. </em></p> 2021-07-13T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2021 Marinalva Ribeiro, JEIZIANE, Maurício https://grupoeducon.com/revista/index.php/revista/article/view/1233 O Novo Ensino Médio: a disputa em torno de um velho projeto formativo 2021-06-02T11:31:41+00:00 Fernanda Ribeiro de Souza ffernandaa6@gmail.com <p>Este artigo apresenta uma análise a respeito do processo de disputas que se configura em torno do projeto formativo do Novo Ensino Médio. Desenvolvido por meio de pesquisa bibliográfica e análise documental, retoma as perspectivas formativas expressas pelos documentos que configuraram as propostas de formação para o Ensino Médio a partir da década de 1990. Aborda, sobretudo, os princípios presentes na Reforma do Ensino Médio, instituída pela Lei n<sup>o</sup> 13.415/2017, na&nbsp; nova Base Nacional Comum Curricular e nas Diretrizes Curriculares Nacionais para o Ensino Médio, aprovadas em 2018. Constatou-se que a proposta do Novo Ensino Médio é marcada pelo retorno à centralidade curricular com base em competências e está submissa aos processos de reestruturação do capital, marcados pela retomada radical do neoliberalismo, assemelhando-se ao movimento ocorrido nos anos de 1990. Retoma, portanto, um velho projeto formativo, acentuando o caráter dualista da formação proposta para o Ensino Médio.</p> 2021-07-14T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2021 Fernanda Ribeiro de Souza https://grupoeducon.com/revista/index.php/revista/article/view/1504 Narrativas Do Licenciado Em Pedagogia Da UEFS: 2021-02-01T00:55:25+00:00 Karine Cerqueira dos Santos karynny.santos.ks2013@gmail.com Maria Cláudia Silva do Carmo mcarmo9@yahoo.com.br <p><em>Este texto apresenta reflexões sobre a formação de professores e a prática docente de Licenciados Egressos mediante a ressignificação de atos de currículo produzidos no contexto do curso de Licenciatura em Pedagogia da Universidade Estadual de Feira de Santana -UEFS/BA. Como processos metodológicos foram adotados a abordagem qualitativa da pesquisa, tomando aspectos da Etnopesquisa crítica e Multirreferencial e utilizando-se da entre-vista e as narrativas de história de vida profissional como dispositivos para recolhimento das informações. Para dar sustentação a pesquisa, utilizou-se como aporte teórico: Josso (2004), Macedo (2007) e Nóvoa (1992). Concluiu-se que as narrativas das experiências formacionais se revelam atos de currículo potentes para uma prática docente fundamentada e reflexiva.</em></p> 2021-07-15T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2021 Karine Cerqueira dos Santos, Maria Cláudia Silva do Carmo https://grupoeducon.com/revista/index.php/revista/article/view/1515 Os Sentidos da Universidade: Trajetórias de Estudantes Bolsistas no Ensino Superior Privado 2021-02-01T00:56:52+00:00 Karina Vieira vieirask@hotmail.com Ana Maria Teixeira anabrteixeira@hotmail.com <p><em>Este artigo apresenta alguns dos resultados de uma pesquisa que procurou compreender identificar a trajetória escolar e os móbeis para o ingresso na universidade de estudantes bolsistas universitários de uma instituição privada de educação superior. O campo da pesquisa foi o Centro Universitário AGES (UniAGES) localizado no estado da Bahia. Os sujeitos da pesquisa foram 6 estudantes bolsistas de licenciatura, dois bolsistas de cada programa: Fies, ProUni e ProVIDA. A fim de alcançar este propósito foi utilizado como referencial a teoria da Relação com o Saber de Bernard Charlot (2000, 2001, 2005, 2006, 2009). A coleta de dados foi realizada a partir de entrevistas semiestruturadas. Conclui-se que há uma valorização do Ensino Superior como a chave para o futuro e promessa de uma vida melhor. São trajetórias de estudantes de origem popular que tiveram uma educação básica pública e buscam uma possibilidade de mudar de vida.</em></p> 2021-07-16T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2021 Karina Vieira, Ana Maria Teixeira https://grupoeducon.com/revista/index.php/revista/article/view/1516 História e Cultura indígena: estudo e pesquisa durante as aulas remotas no ensino superior 2021-06-02T11:30:47+00:00 Sueli do Nascimento sueli.unisalesiano@gmail.com Alonso Bezerra de Carvalho alonso.carvalho@unesp.br <p>Expõe-se aqui o resultado das aulas remotas transmitidas durante a pandemia Covid-19, abordando a temática indígena, com base na Lei nº 11.645/08, relativa ao ensino superior. Objetivo foi o de fomentar a transição da consciência ingênua freireana e a prévia rüseniana, a partir do saber histórico de 26 acadêmicos do curso superior em Engenharia da Computação, no período de agosto a novembro de 2020, no UniSALESIANO (Centro Universitário Católico Salesiano Auxilium), Araçatuba/SP. Abordar-se-á aqui o processo da temática relacionada aos povos indígenas, focando a desmitificação, as lacunas e, sobretudo, a desconstrução de conceitos e preconceitos apresentados nas dissertações dos alunos sobre tais povos. A se destacar a importância da partilha no Grupo de Estudo e Pesquisa em Educação, Ética e Sociedade (Gepees), que possibilitou esta ininterrupta construção-desconstrução-construção em nossa ação, enquanto pesquisadores, no âmbito da educação e das estratégias utilizadas, que contribuíram para o processo da formação da consciência histórica.</p> 2021-07-16T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2021 Sueli do Nascimento, Alonso Bezerra de Carvalho https://grupoeducon.com/revista/index.php/revista/article/view/1564 Infância e Psicologia: O Brincar é uma Linguagem Secreta? 2021-02-04T17:13:25+00:00 Mable Luz Menezes mablemenezes32@gmail.com Ana Paula Silva da Conceição apsconceicao@uneb.br <p>Este trabalho teve como objetivo discutir a infância através da verificação dos pressupostos da psicologia, para compreender se o brincar é uma linguagem secreta, considerando o processo de desenvolvimento das crianças e a sua relação com o lúdico. O referencial teórico foi com autores como Vygotsky (1998), Piaget (1971), De Quadros (2017), Rolim (2008),&nbsp;Ariès&nbsp;(1981), dentre outros. A opção metodológica foi a pesquisa bibliográfica e documental, com textos acadêmicos e documentos públicos oficiais, construindo uma investigação que dialogou com os vários campos do conhecimento. Logo, os resultados obtidos apresentam que&nbsp;tanto a linguagem como o pensamento estão presentes na relação do brincar da criança quando atingem a capacidade de acesso a função simbólica, como agente de instrumentalizar a ação.&nbsp;A partir do entrecruzamento do pensamento e linguagem provendo novo comportamento, foi desvendado como o brincar está imbrincado na rede simbólica, constituindo-se, também, como uma linguagem secreta na infância.&nbsp;</p> 2021-07-16T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2021 Mable Luz Menezes, Ana Paula Silva da Conceição https://grupoeducon.com/revista/index.php/revista/article/view/1641 Contribuições da oficina remota “Tangram e o Teorema de Pitágoras” na Educação Básica e na Formação Docente 2021-06-02T11:31:05+00:00 Silvânia da Silva Costa sylvannya2006@gmail.com Robson Andrade de Jesus robsonmat@academico.ufs.br <p>A pesquisa teve como objetivo identificar contribuições da oficina intitulada “Tangram e o Teorema de Pitágoras” na Educação Básica, a partir de pressupostos acerca da BNCC, de materiais manipuláveis e Laboratório de Ensino de Matemática, e na Formação Docente, tendo Shulman como aporte teórico. O trabalho foi desenvolvido durante o ano letivo de 2020, de forma remota, possuindo um viés quali-quantitativo, sendo uma pesquisa de campo exploratória, recorrendo-se a registros e observação dos fenômenos. Os resultados alcançados apontam que a oficina se mostrou uma atividade potencializadora em situações de aprendizagem para alunos da Educação Básica, trazendo um olhar investigativo no processo de construção do conhecimento, além de proporcionar a professores e/ou futuros professores momentos de reflexão, ampliação de repertório didático e ressignificação de práticas pedagógicas.</p> 2021-07-16T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2021 Silvânia da Silva Costa, Robson Andrade de Jesus https://grupoeducon.com/revista/index.php/revista/article/view/1675 Tecnologias Digitais no Currículo da Graduação em Matemática da UEMS Nova Andradina 2021-05-29T23:17:50+00:00 Nielce Meneguelo Lobo da Costa nielce.lobo@gmail.com Karla Jocelya Nonato karlanonato@yahoo.com.br <p>Na era digital é imprescindível integrar as Tecnologias Digitais de Informação e Comunicação (TDIC) aos currículos dos cursos de formação iniciais de professores. Este artigo relata uma pesquisa documental cujo objetivo foi investigar como as TDIC são integradas no currículo do curso de Licenciatura em Matemática da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS), campus de Nova Andradina-MS, diante da cultura digital, visando a construção de um web currículo. Os dados foram coletados a partir de informações disponibilizadas no site da UEMS e no Projeto Pedagógico Curricular do curso. A análise revelou que o currículo foi reformulado para atender a Res. CNE nº 02/2015, separando a carga horária da Prática como Componente Curricular dos Estágios Supervisionados. Concluímos que as transformações empreendidas, viabilizam a construção de um web currículo, pela inserção das TDIC em toda a proposta curricular.</p> 2021-07-17T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2021 Nielce Meneguelo Lobo da Costa, Profa. https://grupoeducon.com/revista/index.php/revista/article/view/1677 Educação Integral no Processo de Ensino-Aprendizagem: (Res)Significação de Práticas na Pós-Modernidade 2021-02-01T00:45:54+00:00 Andreza Soares de Santana levitaandreza@yahoo.com.br Cintia Aparecida Ataíde profcintiaataide@gmail.com Valdício Almeida de Oliveira valdiciosds@hotmail.com Vanessa Soares de Santana vanessa.soares24@yahoo.com.br <p><em>O artigo busca compreender a função da educação integral no processo de ensino-aprendizagem na pós-modernidade. Metodologicamente, é uma pesquisa bibliográfica, baseada principalmente nas teorias de Morin (2015), Coelho (2002), Perrenoud (2002), Benavente (1993) e Tiba (1998). Em suma, estas foram as conclusões: a educação integral parametriza uma aprendizagem que não se limita somente a explanações de conteúdo, pois valoriza também ações relativas à inclusão, ao pensamento, à reflexão e ao autoconhecimento; observou-se que é um sistema capaz de entender o ensino-aprendizagem como um planejamento colaborativo em que escola, estudantes, família e demais agentes sociais são autores; notou-se também que os professores dessa proposta educacional precisam aperfeiçoar as práticas pedagógicas a fim de garantirem um ensino qualitativo para os educandos; e evidenciou-se que escola e pais devem ser parceiros porque a participação e a dedicação deles contribuirão concomitantemente para a formação integral dos discentes.</em></p> 2021-07-17T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2021 Andreza Soares de Santana, Cintia Aparecida Ataíde, Valdício Almeida de Oliveira, Vanessa Soares de Santana https://grupoeducon.com/revista/index.php/revista/article/view/1678 Pedagogia de Freire em Diálogo com as Epistemologias do Sul: uma Nova Educação é Possível? 2021-06-02T11:29:42+00:00 Guadalupe Corrêa Mota guadalupemota@unisantos.br <p><em>Este artigo em forma de ensaio tem como objeto a Pedagogia Crítico-Humanista de Paulo Freire e como objetivo geral problematizar as possibilidades e limites dessa práxis no contexto da sociedade neoliberal à luz das Epistemologias do Sul, &nbsp;de Boaventura de Sousa Santos. Procura-se responder à seguinte questão: quais as possibilidades e contextos necessários à prática de uma pedagogia humanista neste início de século? Para responder ao objetivo, lançando-se mão de autores como Cambi, Saviani, Scocuglia, Dardot/Laval, Franco, Charlot, Pleger, apresenta-se um panorama das ideias antropológicas que levaram ao desenvolvimento do conceito de “humanismo” e de “pessoa”; aponta-se elementos que configuram a ontologia freireana e que justificam a tarefa humanizadora. Ao responder à questão proposta, reafirma-se a necessidade de alterações estruturais que possibilitem um novo pacto educativo, em que seja consensuado epistemologias revolucionárias que consignem à educação seu caráter público, laico, para todos, e não como produto da lógica mercantilista neoliberal.</em></p> 2021-07-26T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2021 Guadalupe Corrêa Mota https://grupoeducon.com/revista/index.php/revista/article/view/1538 Tecnologias Digitais no Enriquecimento Extracurricular de Alunos com Altas Habilidades/Superdotação 2021-02-01T00:57:28+00:00 Cleonice da Luz Santos cleoluzz@hotmail.com Clodis Boscarioli clodis.boscarioli@unioeste.br <p>Alunos com Altas Habilidades/Superdotação são público-alvo da Educação Especial, sendo garantido o Atendimento Educacional Especializado como forma de enriquecimento extracurricular. Este artigo tem por objetivo elencar Tecnologias Digitais que possam desenvolver as múltiplas inteligências e potencializar as habilidades destacadas à luz de um levantamento bibliográfico e documental, tendo como base documentos legais, artigos e livros. Diante da análise, concluiu-se que a integração das Tecnologias Digitais no ensino para Altas Habilidades/Superdotação vem ao encontro do anseio por atividades significativas e desafiadoras, pois fortalecem a aprendizagem, enriquecem os currículos extracurriculares e proporcionam ao aluno o papel de pesquisador, ampliando seus conhecimentos e potencializando suas habilidades de forma dinâmica e interativa.</p> 2021-07-26T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2021 Cleonice da Luz Santos, Clodis Boscarioli https://grupoeducon.com/revista/index.php/revista/article/view/1554 O ensinar e aprender história para a defesa do patriotismo (1855-1889) 2021-02-01T00:56:24+00:00 Analice Santos analicemarinho@gmail.com Kátia Regina Lopes Costa Freire profkat.rlc@gmail.com Thycia Rosely Braga thyciarosely@gmail.com <p>Neste artigo, analisamos os preceitos do historiador espanhol Ignacio Miró y (1821-1892) relativos ao ensino e aprendizagem de história visando o desenvolvimento do patriotismo espanhol do século XIX. Para isso, identificamos as suas representações para a história e o ensino de história de forma que ambos contribuam no desenvolvimento de uma nação patriótica. Nesse sentido, os objetivos deste artigo são: analisar a didática da história para a escola básica presente nas obras de Ignácio Miró; identificar a relação entre a didática da história e o patriotismo; discutir as prescrições para um ensino de história patriótico e, por fim, analisar o ensino de história educativo.Concluímos que, em defesa desse ensino de história educativo, Ignacio Miró advoga uma mudança no ensino escolar de forma que promova uma didática da história para desenvolver a Espanha, construindo assim, uma nação integrada e patriótica.</p> 2021-07-28T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2021 Analice Santos, Kátia Regina Lopes Costa Freire, Thycia Rosely Braga https://grupoeducon.com/revista/index.php/revista/article/view/1671 Um Práticas de Educação Ambiental no Município de Aracaju em Tempos de Pandemia de Covid-19: Entraves e Oportunidades 2021-06-02T11:30:19+00:00 Edson Oliveira da Silva edsonpmse@hotmail.com Eliene Oliveira da Silva elienegmaju@gmail.com Keeze Montalvão Fonseca da Silva keezefonseca@yahoo.com.br <p><em>O estudo tem o objetivo refletir acerca dos entraves e oportunidades para as ações de educação ambiental no município de Aracaju/Se durante a pandemia do Coronavírus (Covid-19). Realizou-se pesquisa bibliográfica com método quali-quantitativo, aplicando as informações obtidas à técnica da análise de conteúdo. O estudo também promoveu o levantamento das ações realizadas pela Secretaria Municipal do Meio Ambiente (SEMA) durante a pandemia por meio da divulgação no site oficial da Prefeitura Municipal de Aracaju (PMA). Com os dados obtidos verificou-se que a necessidade de isolamento social durante a pandemia criou entrave para realização das ações de educação ambiental planejadas para o ano de 2020 pela SEMA. Contudo, também se pode constatar que durante o mencionado isolamento as famílias passaram a ter um papel mais ativo na educação dos filhos, isso indica uma oportunidade de envolver a família com estratégias interdisciplinares de promoção à educação ambiental. </em></p> 2021-07-28T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2021 Edson Oliveira da Silva, Eliene Oliveira da Silva, Keeze Montalvão Fonseca da Silva