Um Práticas de Educação Ambiental no Município de Aracaju em Tempos de Pandemia de Covid-19: Entraves e Oportunidades

Autores

DOI:

https://doi.org/10.47764/e21021016

Palavras-chave:

Isolamento social, Família, Interdisciplinariedade, Educação Ambiental

Resumo

O estudo tem o objetivo refletir acerca dos entraves e oportunidades para as ações de educação ambiental no município de Aracaju/Se durante a pandemia do Coronavírus (Covid-19). Realizou-se pesquisa bibliográfica com método quali-quantitativo, aplicando as informações obtidas à técnica da análise de conteúdo. O estudo também promoveu o levantamento das ações realizadas pela Secretaria Municipal do Meio Ambiente (SEMA) durante a pandemia por meio da divulgação no site oficial da Prefeitura Municipal de Aracaju (PMA). Com os dados obtidos verificou-se que a necessidade de isolamento social durante a pandemia criou entrave para realização das ações de educação ambiental planejadas para o ano de 2020 pela SEMA. Contudo, também se pode constatar que durante o mencionado isolamento as famílias passaram a ter um papel mais ativo na educação dos filhos, isso indica uma oportunidade de envolver a família com estratégias interdisciplinares de promoção à educação ambiental.

Biografia do Autor

Eliene Oliveira da Silva, Universidade Federal de Sergipe

Mestra em Desenvolvimento e Meio Ambiente pela Universidade Federal de Sergipe.

Keeze Montalvão Fonseca da Silva, Universidade Federal de Sergipe

Mestra em Desenvolvimento e Meio Ambiente pela Universidade Federal de Sergipe.

Referências

Aracaju, A. C. de S. Educação ambiental como elemento de apoio da sociedade civil organizada em prol do meio ambiente. In: MACHADO, F. S.; MOURA, A. S. de (orgs.). Educação, meio ambiente e território. – Ponta Grossa (PR): Atenas Editora, 2019. DOI 10.22533/at.ed.428192102.

Aracaju. Lei Municipal nº 3.309, de 21 de dezembro de 2005. Dispõe sobre a política municipal de educação ambiental e dá outras providências. Disponível em: https://leismunicipais.com.br/a/se/a/ aracaju/lei-ordinaria/2005/331/3309/lei-ordinaria-n-3309-2005-dispoe-sobre-a-politica-municipal-de-edu cacao-ambiental-e-da-outras-providencias. Acesso em 05. mar. 2021.

Aracaju. Lei Municipal nº 4.359, de 08 de fevereiro de 2013. Dispõe sobre a organização básica da Secretaria de Meio Ambiente – SEMA, e dá providências correlatas. Aracaju, 2013. Disponível em: http://www.aracaju.se.gov.br/index.php?act=leitura&codigo=34647. Acesso em 05. mar. 2021.

Aracaju. Prefeitura Municipal. Secretaria do Meio Ambiente. Disponível em: https://trans parencia.aracaju.se.gov.br/prefeitura/estrutura-administrativa/contato-sema/. Acesso em 04. mar. 2021.

Baganha, D. E.; Vieira, E. do R.; Mortella, R. D.; Rosa, M. A. (orgs.). Educação ambiental rumo à escola sustentável. – Curitiba: SEED/UTP, 2018. ISBN: 978-85-7968-090-8

Bardin, L. Análise de conteúdo (L. de A. Rego & A. Pinheiro, Trads.). – São Paulo: Edições 70, 2011.

Brasil. Constituição da República Federativa do Brasil. Brasília: Congresso Nacional, 1988. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/constituicao/Constituicao Compilado.htm. Acesso em 22. set. 2019.

Brasil. Lei nº 9.795, de 27 de abril de 1999. Dispõe sobre a educação ambiental, institui a Política Nacional de Educação Ambiental e dá outras providências. Disponível em: https://www2.camara.leg.br Acesso em 04. mar. 2021.

Brasil. Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS). OMS declara emergência de saúde pública de importância internacional por surto de novo coronavírus. Disponível em: https://www.paho.org. Acesso em 05. mar. 2021.

Carvalho, M. E. S.; Mendonça, F. A. Desafios às ciências ambientais: diálogos com a saúde ambiental. In: Silva; M. S. F.; Carvalho; M. E. S.; Santos, N. D.; Costa, J. J. (orgs.). Reflexões teórico-metodológicas & práticas pedagógicas nas ciências ambientais. – São Cristóvão: Editora UFS, 2018.

Cruz, F. S. (org.). Direito e Pandemia. n. esp. (maio. 2020) – Brasília, 2020. 147 p. Revista Direito e Pandemia. Disponível em: https://www.oab.org.br/publicacoes/revista direitoepandemia. Acesso em: 12 dez. 2020. CDDir: 579.25

Dal Forno, M. A. R. Fundamentos em gestão ambiental. Coordenado pelo SEAD/UFRGS. – Dados eletrônicos. – Porto Alegre: Editora da UFRGS, 2017. ISBN 978-85-386-0400-6

Fiorillo, A. P.; Ferreira, R. N. (coord.). Direito ambiental contemporâneo. São Paulo: Saraiva, 2015. ISBN-13 : 978-8502631571

Flores, N. C. (org.). A sustentabilidade ambiental em suas múltiplas face. – Campinas, SP: Millennium Editora, 2012.

Freire, P. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa. – São Paulo: Paz e. Terra, 1996. DOI 10.18764/2446-6549.2019.10355

Mitra, D. El ambientalismo y la jungla urbana: Derechos em conflito y visiones contradictorias. In: GARAVITO, C. R. (coord.). Por um medio ambiente sano que promueva los derechos humanos en el Sur Global. – 1ª ed. – Ciudad Autónoma de Buenos Aires: Siglo Veintiuno Editores, 2017.

Moreira, E. et al. (org.) Em tempos de pandemia: propostas para defesa da vida e de direitos sociais. Riod-e Janeiro: UFRJ, Centro de Filosofia e Ciências Humanas, Escola de Serviço Social, 2020. ISBN 978-65-86155-01-3.

Oliveira, I. de M.; SILVA, T. T. de A.; ALVES, M. Z. (orgs.). Democracia, meio ambiente e desenvolvimento: experiências brasileiras. – Aracaju: EDUNIT, 2017. ISBN - 978-85-68102-35-0

Paiva, F. S.. Educação e democracia ambiental: a importância do incentivo na preservação das áreas verdes na cidade de Manaus. In: RIBEIRO, M. L; [et. al.] (orgs.). Temas contemporâneos de Direito Latino Americano. Brasília: Editora Kiron, 2018.

Philippi JR., A.; TUCCI, C. E. M.; HOGAN, D. J.; NAVEGANTES, R. (editores). Interdisciplinaridade em Ciências Ambientais. São Paulo, SP: Signus Editora, 2000.

Rodriguez, J. M. M.; Silva, E. V. Da. Planejamento e gestão ambiental: subsídios da geoecologia das paisagens e da teoria geossistêmica. 2. ed. Reimpressão. Fortaleza: Edições UFC, 2016.

Santana, J. V. Vetores educacionais do meio ambiente. In: SANTOS, G. M.; DURÃO, Pedro (orgs.). Constituição viva e atual estado constitucional de direitos. - 1. Ed. - Florianópolis [SC]: Empório do Direito, 2017.

Santos, A. C. Dos; Guimarães, R. M. A. M. Estado, democracia e políticas públicas. In: SANTOS, A. C. dos (org.). Filosofia & Natureza: debates, embates e conexões. São Cristóvão, SE: Editora da UFS, 2010.

Santos, J. J.; Silva, G. M.. Cartografia social: o mapa como construção cultural e exercício do poder. Revista Geografares. (Revista do Programa de Pós-Graduação em Geografia e do Departamento de Geografia da UFS). Sergipe, nº 20, p. 21-29, ago./dez. 2015. Disponível em: https://doi.org/10.7147/GEO20.10126. Acesso em 14 out. 2020.

Sergipe. Decreto nº 6094, de 16 de março de 2020. Dispõe sobre as medidas para enfrentamento da emergência de saúde pública de importância internacional, decorrente da infecção humana pelo novo Coronavírus (COVID-19), e dá providências correlatas. Disponível em: https://www.legisweb.com.br/ legislacao/?id=390806. Acesso em 05. mar. 2021.

Sergipe. Enciclopédia municípios 2014. Disponível em: http://www.observatorio.se. gov.br/images/Estudos_especiais/enciclopedia_municipios_2014.pdf. Acesso em 27 dez 20.

Silva; M. S. F.; Carvalho; M. E. S.; Santos, N. D.; Costa, J. J. (orgs.). Reflexões teórico-metodológicas & práticas pedagógicas nas ciências ambientais. – São Cristóvão: Editora UFS, 2018.

Soares, M. J. N. (org.). Pesquisa ambientais em foco. - Aracaju: Criação, 2015.

Souza, R. M.; Santos, S. S. C.; Santos, E. A.; Kohler, R. (Org.). Cenários Urbanos: riscos e vulnerabilidade na gestão territorial. – Aracaju: Criação, 2016.

Timo, P. B. Desarrollo, haábitat digno y derechos humanos en la Argentina. In: GARAVITO, César Rodríguez. Por um medio ambiente sano que promueva los derechos humanos en el Sur Global, - 1ª ed. – Ciudad Autónoma de Buenos Aires: Siglo Veintiuno Editores, 2017.

Publicado

2021-07-28

Como Citar

Oliveira da Silva, E., Oliveira da Silva, E., & Montalvão Fonseca da Silva, K. . (2021). Um Práticas de Educação Ambiental no Município de Aracaju em Tempos de Pandemia de Covid-19: Entraves e Oportunidades. Revista Internacional Educon, 2(1), e21021016. https://doi.org/10.47764/e21021016

Edição

Seção

Artigos